• Belemitas

Um convite surpreendente



“Ouça, ó filha, considere e incline os seus ouvidos: Esqueça o seu povo e a casa paterna. O Rei foi cativado pela sua beleza; honre-o, pois ele é o seu senhor.” (Salmos 45.10-11)

Dentre tantos salmos lindos e profundos na Bíblia, esse chama a nossa atenção. Fala de um rei e sua rainha trocando votos de casamento. A noiva maravilhada começa o salmo falando da força e a da majestade do Rei. Faltam-lhe palavras para destacar sua admiração por ele, dizendo que entre milhares e entre os filhos dos homens, ele é o mais perfeito, notável e justo. Ela, provavelmente plebeia e vinda de uma origem duvidosa, vê-se diante de um convite que não é feito a nenhuma outra: viver a sua vida ao lado do Rei!

Você pode perguntar, mas o que esse salmo tem a ver com Deus e conosco? Eu respondo: TUDO! Por diversas vezes a Bíblia compara Jesus a um noivo e a sua Igreja (cada um de nós) à sua noiva. Assim como diz o salmo, o nosso noivo é um Rei forte (o Rei dos reis para ser mais exato), tem uma justiça infalível, tem autoridade em qualquer batalha e possui uma misericórdia mais profunda que qualquer outra. Ele é o mais formoso entre milhares e é digno de receber esse título!

E quanto à sua noiva (nós)?

O que acontece conosco é o mesmo que pode ter acontecido à noiva do salmo. Olhamos para esse noivo tão perfeito e imaculado, tão cheio de virtudes e tão disposto a nos resgatar para si e perguntamos: “Quem sou eu? Quem sou eu pra receber uma oferta dessas? Será que o noivo não sabe as coisas que eu fiz? Será que ele não sabe das minhas maldades? Será que ele não conhece de onde eu vim? Acho que não! Se ele o soubesse nunca me ofereceria o que está me oferecendo...”.

Você pode ter essa mesma percepção quando se trata de Jesus. Você ouve-o te chamar e te oferecer uma vida nova. As pessoas falam o quão puro e santo é Deus e você não se sente digno de recebê-lo em sua vida. Você diz pra si mesmo que só vai se render a ele quando estiver melhor ou quando abandonar algumas coisas, mas a verdade é que você, sem Ele, não consegue coisa alguma.


Foi preciso o noivo dizer à noiva “deixe seu povo e sua casa paterna...”, em outras palavras DEIXE O PASSADO PARA TRÁS! Cristo te diz hoje através desse texto: venha do jeito que você está; o que for preciso eu faço por você!

Isso é GRAÇA, um favor dado sem merecimento algum. Deixe os bloqueios e a culpa de lado e entregue a sua vida ao Noivo amado que hoje se apresenta para você!


“Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus.” (Romanos 8.1)