• Belemitas

Um Tesouro Disponível



Quando pensamos em sabedoria, normalmente o que vem a nossa mente são imagens de algumas pessoas que consideramos como sábias, não é mesmo? Talvez você pense nos seus avós, pais ou se lembre de algum filme onde a presença de um sábio era muito marcante. Porém, neste texto, eu quero convidá-lo a analisar o que a Bíblia diz a respeito da verdadeira sabedoria e concluir que ela não está reservada somente para pessoas com vasta experiência de vida, mas para todos aqueles que a buscam!


“Podem também tornar sábia uma pessoa sem experiência e ensinar os moços a serem ajuizados.” Provérbios 1:4 NTLH

Em primeiro lugar, precisamos entender qual é a base da sabedoria. Salomão, filho de Davi e um dos reis de Israel, foi um homem sábio como nenhum outro (1 Reis 3:5-14). Durante a sua vida, ele escreveu muitos provérbios - o uso de provérbios para ensinar era popular nos tempos antigos, sendo que a maioria deles era de fácil memorização e podiam ser transmitidos de uma geração para a outra - com o objetivo de, através de compactos ensinamentos, nos ensinar a viver de maneira inteligente e a sermos corretos, justos e honestos[1]. Ao longo do livro de Provérbios, vemos que a sabedoria se baseia em um relacionamento com Deus:


“Eles nos ensinam a vivermos de maneira inteligente e a sermos corretos, justos e honestos. Para ser sábio, é preciso primeiro temer a Deus, o Senhor. Os tolos desprezam a sabedoria e não querem aprender.” Provérbios 1:3,7
“Para ser sábio, é preciso primeiro temer a Deus, o Senhor. Se você conhece o Deus Santo, então você tem compreensão das coisas.” Provérbios 9:10

Aqui, uma indagação pode ser feita: “Como posso me relacionar com alguém que eu preciso temer?” Esta é uma importante pergunta, que pode ser respondida facilmente ao entendermos o que significa o “temor do Senhor”. Temer a Deus significa reconhecer quem Deus é (o Criador soberano de todas as coisas) e quem nós somos (seres criados por Deus, e que devem prestar contas a Ele) para então viver toda a vida de acordo com este conhecimento[2]. Reconhecer que Deus é santo, bondoso, justo e detentor de toda glória, muda radicalmente o nosso modo de vida. Passamos a não mais seguir os nossos próprios caminhos e desejamos uma vida agradável e de proximidade com Ele.


“Sim, peça sabedoria e grite pedindo entendimento. Procure essas coisas, como se procurasse prata ou um tesouro escondido. Se você fizer isso, saberá o que quer dizer temer o Senhor, e aprenderá a conhecê-lo. É o Senhor quem dá sabedoria; a sabedoria e o entendimento vêm dele.” Provérbios 2:3-6

Agora que já sabemos qual é a base, precisamos entender o que de fato é a verdadeira sabedoria. Em Provérbios, sabedoria significa entender toda a vida do ponto de vista de Deus. É viver de acordo com a Palavra e a vontade dEle em todas as ocasiões. Uma pessoa sábia é aquela que tem a Bíblia como o seu manual de fé e conduta; como pessoa temente a Deus, ela reconhece como é tolo desobedecer aos perfeitos mandamentos de um Deus majestoso e que tem toda autoridade sobre nós.


Mesmo em um rápido sobrevoo sobre os provérbios, podemos perceber que a sabedoria é sempre prática. Ela diz respeito a que momento falar; com que tipo de pessoas andar e quais se afastar. Ela diz respeito ao que fazer em situações inesperadas, como quando você perde o seu emprego e não vê uma solução para as dificuldades que surgem. Para comprovar isso, vejamos alguns versículos:


“O Senhor Deus detesta quem usa balanças desonestas, mas gosta de quem usa pesos justos.” Provérbios 11:1
“Quem anda com os sábios será sábio, mas quem anda com os tolos acabará mal.” Provérbios 13:20

Salomão nos orienta a buscar a sabedoria como se estivéssemos buscando por prata ou por um tesouro, sendo que, na verdade, ela é muito mais preciosa do que qualquer bem que possamos alcançar.


Esta série de textos é um convite para que nós amemos a sabedoria! Se você, assim como eu, sente que tem falta dela no seu cotidiano, vamos juntos nos apropriar de uma promessa bíblica: “Mas, se alguém tem falta de sabedoria, peça a Deus, e ele a dará porque é generoso e dá com bondade a todos.” (Tiago 1:5)


Antes de finalizar, gostaria de abordar mais uma pergunta muito recorrente quando falamos sobre sabedoria: como ela se relaciona com a nossa inteligência (o conhecimento que obtemos)? Convido você a ler a explicação de Timothy Keller e meditar sobre a necessidade de pedirmos por sabedoria:


“Um cientista social pode saber muito sobre os fatores empíricos que levam a pobreza. Ainda assim, tentando ajudar uma família pobre, ele pode tornar as suas vidas ainda pior. Assim, há conhecimento sem sabedoria. Porém, você pode ter sabedoria sem conhecimento? Não. Você precisa conhecer sobre um assunto para que possa aplicar a ele a disciplina, discernimento e discrição da sabedoria.


Entre toda as coisas que podemos estudar, a verdadeira sabedoria requer um profundo conhecimento das Escrituras. Jesus baseou todos os seus movimentos na Bíblia, citando as Escrituras para enfrentar e explicar sua morte (Mateus 27:46; Salmos 22:1). Como podemos ser sábios sem estarmos imersos na Palavra de Deus?” [3]


No próximo texto, veremos que, em um momento da história, a sabedoria foi personificada e isso trouxe consequências maravilhosas para nós!


-


[1] Provérbios 1:1-3 NTLH

[2] Bíblia de Estudo Apologia Cristã, p. 996.

[3] Reading The Proverbs With Timothy And Kathy Keller, You Version.